Publicidade
SBT Sports

Conmebol admite erro em pênalti não marcado sobre Vini Jr

Segundo a entidade, VAR errou ao concluir que Muñoz havia tocado na bola antes de derrubar o brasileiro

Conmebol admite erro em pênalti não marcado sobre Vini Jr

há 18 dias

Publicidade

A Conmebol admitiu nesta quarta-feira (3) um erro crucial de arbitragem durante o embate entre Brasil e Colômbia, que terminou empatado em 1 a 1. O jogo, válido pela terceira rodada do Grupo D da Copa América. O lance em questão ocorreu aos 42 minutos do primeiro tempo, quando Vinícius Júnior foi derrubado na área, mas o pênalti não foi assinalado.

Após quase dois minutos de revisão, a equipe do VAR, liderada por Jesús Valenzuela, concluiu de maneira equivocada, segundo a Conmebol, que o defensor Muñoz havia tocado na bola antes de derrubar o atacante brasileiro.

"No minuto 42, em uma disputa de bola dentro da área, um defensor não toca a bola, e, como produto da disputa, é produzido um contato imprudente para a ação. O árbitro não consegue observar a ação e deixa que o jogo continue. O VAR, em sua checagem protocolar, analisa por distintos ângulos, velocidades e considerações e não consegue identificar que o defensor não toca a bola antes de entrar em contato imprudentemente com o atacante. O VAR confirma, de maneira incorreta, a decisão original de campo", explicou a Conmebol em vídeo.

O próximo confronto do Brasil será contra o Uruguai, no sábado, às 22h, em Las Vegas. O vencedor enfrentará quem sair vitorioso do duelo entre Colômbia e Panamá. 

Publicidade
Publicidade

Veja também

Publicidade
Publicidade